quarta-feira, 7 de outubro de 2009

EXPERIMENTE JESUS

"Sermão apresentado pelo Pr. Sesóstris César Sousa na sua formatura de teologia em dezembro de 1942"

Depois da última guerra o mundo mergulhou em uma de suas maiores crises da história. A guerra havia sido transferida dos campos de batalha para os campos diplomáticos. Os estadistas viam a paz ameaçada a cada instante. Por todos os meios se procurava uma solução para a crise de desespero em que emergia o mundo.

Foi então que uma revista americana (Time) lançou um concurso, premiando a quem trouxesse uma resposta a pergunta: "Qual a solução para assegurar a paz mundial?" Entre 20.000 respostas uma foi contemplada. De 20.000 opiniões para assegurar a paz, uma só foi encontrada e a mais feliz: “Experimente Jesus”. Acertou! Mil e novecentos anos no passado Paulo já sabia disto quando disse: “Ele é a vossa paz”. Efésios 2:14

Jesus mesmo assegurou: “Deixo-vos a paz, a Minha paz vos dou” Jo. 14:27. Todos os problemas humano seriam resolvidos se os homens experimentassem Jesus. Quando Ele disse: “Vinde a Mim todos os cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei”, abriu as portas e pôs a disposição dos homens todos os recursos da Onipotência.

Para uma raça caída, enferma, em decadência, em desespero, não vejo outra solução além de Jesus. Vejamos:

Jesus Nosso MédicoExperimente Jesus como médico:

- Nenhuma enfermidade resistia as suas receitas infalíveis;
- Curou o cego de nascença. Endireitou a perna do paralítico;
- Expulsou demônios;
- Foi o psiquiatra que consolava o mais abatido coração partido;
- Nem mesmo a lepra parou diante d’Ele;
- Não precisa mandar o cliente experimentar o médico. Jamais precisou de laboratórios – tanto sua palavra, sua mão, ou mesmo Sua saliva tinham tal poder curador que nas aldeias por onde passava não ficava enfermo;
- Toda a ciência moderna com os mais adiantados descobrimentos com os maiores gênios do mundo aos seus pés seria incapaz de ressuscitar um cadáver em estado de putrefação. Todos os cientistas do mundo se curvam aos pés do grande médico que ressuscitou Lázaro. Ele é o grande Médico que jamais passou pelos bancos de alguma faculdade.

Jesus Nosso AdvogadoExperimente Jesus como advogado:

- Surpreendeu até os estadistas romanos;
- Todo advogado procura encobrir as culpas de seu cliente. Jesus pode somente que confessa. Perdoa e está tudo liquidado;
- Quando lhe trouxeram uma mulher para que Ele a julgasse, diz aos acusadores: “Quem dentre vós estiver sem pecado, atire a primeira pedra”. Jamais condenou algum réu. Mandava que confessassem as culpas aos outros e eliminava as questões.

Jesus é nosso ProfessorExperimente Jesus como professor:

Ele foi o maior dos mestres. Nunca alisou um banco da faculdade, contudo, mestres das maiores faculdades do mundo procuram imitá-lo. Seus métodos ainda não foram superados. Sócrates, Platão, ensinaram 120 anos; Confúcio, Buda, Maomé, Gandhi e Pastalosi ensinaram mais de um século. Seus ensinos desapareceram e caducaram na voragem do tempo. Suas obras enfeitam as bibliotecas. Tudo o que produziram foi sepultado no pó dos séculos, enquanto os ensinos do Grande Mestre, com apenas 3 ½ de magistério, cada dia e ano que passam mais se autalizam e mais se adaptam ao tempo e as necessidades humana. Fazendo das encostas das montanhas, dos altos das colinas e da praia do mar sua sala de aula; e de ignorantes pescadores plebeus os seus discípulos, o Carpinteiro de Nazaré revolucionou e modificou todos os métodos de ensinos de todos os tempos.

Nunca escreveu algum livro, contudo, todas as bibliotecas do mundo estão superlotadas de obras a seu respeito. Tem posto milhões de penas em movimento. Nunca escreveu algum hino, porém, milhões de vozes, diariamente cantam em Seu louvor. Jamais compôs alguma musica, mas os compositores de todos os séculos que o sudecedram foram inspirados por Ele. Forneceu temas para artistas, escultores, poetas, pregadores, mais do que todos os gênios reunidos.

Apesar de ser judeu, é adorado por fiéis de todas as nacionalidades. Nunca comandou exércitos mas nenhum líder militar teve tantos soldados como Ele. Alexandre, Napoleão, Carlos Magno, Júlio César, Hitler e Mussolini, todos reunidos, não seriam capazes de reunir tantos voluntários como Ele. Nunca fundou colégios, porém milhares de escolas foram fundadas em sua honra.

Nasceu numa mangedoura, filho de carpinteiro, de origem plebéia mas tornou-se tão célebre que fez parar de contar a história do mundo e começou de novo, iniciando com a data do seu nascimento.

Os nomes dos Estadistas gregos e romanos foram sepultados nas cinzas da história, enquanto seu nome cada dia torna-se mais conhecido e divinizado. Jamais pretendeu posição política, contudo foi aclamado Rei. Andava a pé, contudo, pos o mundo em movimento. Cada 7 dias da semana, faz o comércio parar em sua homenagem. Dezenove séculos já se passaram depois de Sua morte, mas está tão vivo na mente de seus adeptos que são capazes de contar a história de cor e salteado. Nunca construiu templos, porém milhares de catedrais são erigidas em sua memória.

Cada ano (no Natal) todas as tipografias, todas as agencias de correio, todas as livrarias, confeitarias, todos os lares, mesmo dos que não crêem nEle, tudo se movimenta. O comércio do mundo se põe em reboliço. Todos os meios de transportes por terra, mar e ar, se põe em tremenda agitação. Emissoras de rádio e televisão param seus programas para festejar Seu nascimento. Cinemas e teatro escritores, poetas, pregadores, cantores, música, tudo passa girar em torno dEle. Põe cada ano o dinheiro do mundo em movimento, sendo milhões investidos em Sua honra.

Que homem extraordinário, que atraiu de tal maneira o mundo fazendo-o se curvar aos Seus pés, rendendo-lhe homenagens divinas, coroando-O Rei, canonizando-O como santo e divinando-O como Deus a ponto de fazer parar a contagem da história?

Antes de morrer ele disse: “Quando Eu for levantado da Terra, atrairei todos a Mim”. Não tenho outra impressão a seu respeito melhor do que a do Centurião romano ao topo do Calvário: “Verdadeiramente este homem era o Filho de Deus”. Um só dos Seus preceitos seria suficiente para por fim a todas as questões existentes entre os homens. “Um novo mandamento vos dou, que vos amei uns aos outros assim como Eu vos amei”.

Pr. Sesóstris Cézar Souza
Pastor Jubilado


Leia também "O Homem Centenário" e "Lembre-se dos seus primeiros líderes espirituais"

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMPARTILHE

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More