quarta-feira, 30 de setembro de 2009

IMPRESSIONAR OU INFLUENCIAR

Um estudante de teologia ouviu de um experiente pastor uma frase que tem marcado seu ministério. “Se você quer ter sucesso, não se preocupe em impressionar, mas sim influenciar”.

Quanta sabedoria em tão poucas palavras! Infelizmente, quando seguimos o impulso natural da mente, falamos ou agimos para impressionar. E motivação para isso não falta. Por trás de boa parte das ofertas da mídia está a indução para impressionar. Impressionar o patrão, a namorada ou namorado, o vizinho, o pai, a mãe, os colegas de trabalho e tantos outros.

Muitos já foram à falência, porque gastaram o que não tinham, para comprarem o que não precisavam a fim de impressionar a quem não apreciavam.De conseqüência ainda mais grave é quando vivemos uma religião de aparência. Jesus chamou tais pessoas de sepulcros caiados. Ele denunciou os fariseus porque oravam nas esquinas das ruas, buscavam as primeiras cadeiras nas sinagogas, as saudações nas praças, praticavam boas obras, tudo isto para serem vistos pelos homens (Mat. 23:4-7).

Se bem observarmos, a natureza humana não mudou. Preocupa-nos mais o que o amigo, o ancião, o pastor ou a comissão da igreja pensam a nosso respeito, do que as ações em si mesmas. À primeira vista, tanto o que é certo como o que é errado, podem parecer-se. A grande diferença está no espírito que motiva à ação. Jamais deveríamos esquecer a quem servimos.

Quando realizamos a obra de Deus para agradar a homens abrimos mão de um poderoso fator de sucesso: a Sua benção. Jacó, cheio de preocupação em relação a Esaú, procurou impressioná-lo com sua riqueza, mas na noite de luta no Vale de Jaboque, aprendeu que não poderia prosseguir sem a benção do Senhor. Ezequias ao receber os embaixadores de Babilônia, preferiu impressioná-los com seus bens ao invés de influenciá-los apontando a Deus como o único responsável pelo milagre que os atraíra de tão longe.

Digna de reflexão é a história de Joquebede. Ela teve apenas 12 anos para educar a Moisés. Diz Ellen White: “De que grande alcance em seus resultados foi a influência daquela mãe hebréia, sendo ela entretanto uma exilada e escrava! Toda a vida futura de Moisés, a grande missão que ele cumpriu como chefe de Israel, testificam da importância da obra de uma mãe cristã. Não há outro trabalho que possa igualar a este. Em parte muito grande, a mãe tem nas mãos o destino de seus filhos... Ela não tem a desenhar formas de beleza na tela, ou esculpi-las no mármore, mas imprimir na alma humana a imagem do divino”. PP,244.

Neste ano, dedicado pela Igreja como o ano da “Ênfase no Evangelismo”, cabe-nos ter uma consciência ainda mais aguçada sobre o poder da influência para levar as pessoas a Jesus.“Muito mais do que o fazemos, precisamos falar dos capítulos preciosos de nossa experiência. Depois de um derramamento especial do Espírito Santo, nossa alegria no Senhor e nossa eficiência em Seu serviço aumentariam grandemente com o recontar Sua bondade e Suas maravilhosas obras a favor de Seus filhos. Essas práticas reprimem o poder de Satanás. Expelem o espírito de murmuração e queixa, e o tentador perde terreno. Cultivam aqueles atributos de caráter que habilitarão os moradores da Terra para as mansões celestes.

Um tal testemunho terá influência sobre outros. Não pode ser empregado meio mais eficaz de conquistá-los para Cristo”.P.J..299, 300. Há grande poder na união de esforços. Levantemo-nos e façamos resplandecer nossa luz, pois como diz um conhecido pensamento, “o grande problema do mundo não está na ação dos maus, mas sim na omissão dos bons”.

“Quando os que professam servir a Deus seguirem o exemplo de Cristo, praticando na vida diária os princípios da lei, quando todos os seus atos testemunharem de que amam a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmos, então a igreja terá o poder de abalar o mundo”. P.J, 340.

Hitler, Napoleão, Alexandre o Grande, Nabucodonozor e tantos outros abalaram o mundo e contribuíram para sua ruína. Sob a ação do Espírito Santo, também podemos por nossa influência abalar o mundo com o poder evangelho e atrair aos pecadores das trevas para a verdadeira Luz. Maranata!

Pr. Antonio Moreira
Presidente da Igreja Adventista para o Sul do Paraná (ASP)

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMPARTILHE

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More